Indução do parto: Como e quando fazer

Inducao-do-parto-instituto-villamil-1

Um parto induzido é aquele iniciado artificialmente. É bastante comum. Com a finalidade de mapear esses partos, estudos mostram que no reino unido 1 em cada 5 trabalhos de parto são induzidos. As indicações para se induzir um trabalho de parto são várias, pode ser indicada a indução porque o bebê passou das 41 semanas ou porque existe algum risco de saúde para mãe ou bebê.

Esse risco pode ser um problema de saúde, assim como  hipertensão, por exemplo, ou se o bebê não estiver crescendo adequadamente dentro do útero.

Inducao-do-parto-instituto-villamil-2

A indução geralmente é planejada com antecedência. Dessa forma, você poderá discutir as vantagens e desvantagens com o seu médico e equipe e entender por que eles acham que o seu trabalho de parto deve ser induzido.Inducao-do-parto-instituto-villamil-3

A maioria das mulheres entra em trabalho de parto naturalmente (espontaneamente) por volta de 41 semanas de gravidez. Sendo assim, se a gravidez ultrapassar as 42 semanas e a gestante optar por não induzir o parto será oferecido um monitoramento mais frequente para verificar o bem-estar do bebê.

Inducao-do-parto-instituto-villamil-4

Quais os motivos para indução do parto ?

– Gestação com mais de 41 semanas
– Bolsa rompida por mais de 24h
– Restrição do crescimento do bebê dentro do útero
– Problemas de saúde como hipertensão gestacional, diabetes e colestase obstétrica.

Lembrando que é da mulher a escolha sobre ter seu trabalho de parto induzido ou não, sempre sendo informada dos riscos e benefícios da indução por sua equipe. Aqui na Villa trabalhamos sempre com a escolha consciente e tomada de decisão compartilhada, tendo em vista os desejos da mulher para seu parto e os riscos e benefícios de cada procedimento feito.

Inducao-do-parto-instituto-villamil-5

Gestação com mais de 41 semanas

A indução é oferecida a todas as mulheres que não entram em trabalho de parto naturalmente até 41 semanas, pois há um risco aumentado de natimorto ou problemas para o bebê se a gravidez passar de 41 semanas.Inducao-do-parto-instituto-villamil-6

Bolsa rompida por mais de 24 Horas

Se a bolsa estourar mais de 24 horas antes do início do trabalho de parto, há um risco maior de infecção para você e seu bebê.
Se sua bolsa estourar após 34 semanas, você terá a opção de indução ou conduta expectante.
A conduta expectante é quando sua equipe monitora sua condição e o bem-estar do seu bebê, dessa maneira sua gravidez pode progredir naturalmente, desde que seja segura para vocês dois. Desse modo, deve-se discutir sempre com sua equipe as opções antes de tomar uma decisão.
Em contrapartida, caso a bolsa estoure antes das 34 semanas, a indução somente será feita se houver outros fatores que sugiram que é a melhor conduta para você e seu bebê. Ademais, também deve ser informado ao casal sobre as instalações hospitalares de cuidados especiais para recém-nascidos (neonatais) nas maternidades disponíveis.

Inducao-do-parto-instituto-villamil-7Acompanhamento e monitorização da equipe são fundamentais na indução.

Problemas com a saúde da mãe ou do bebê

Pode ser oferecida uma indução se mãe ou bebe tiverem uma condição que significa que será mais seguro ter seu bebê mais cedo, como restrição de crescimento do bebe dentro do útero, problemas maternos como diabetes, hipertensão ou colestase obstétrica (colestase intra-hepática da gravidez).
Se for este o caso, seu medico e equipe irão explicar as suas opções para que você possa decidir se deseja ou não induzir o seu parto.

Inducao-do-parto-instituto-villamil-8A indução é sempre realizada em maternidade

Descolamento de membranas

Antes de induzir o parto, será oferecido a gestante um descolamento de membranas para iniciar o parto. Sendo assim, para realizar esse procedimento, seu médico ou enfermeira obstetra passa o dedo ao redor do colo do útero durante o toque vaginal. Ao proposito que essa ação deve separar as membranas do saco amniótico que envolve o bebê do colo do útero, afim de que essa separação libere hormônios (prostaglandinas), que podem iniciar o trabalho de parto.
Realizar um descolamento de membranas não dói, eventualmente pode ocorrer algum desconforto ou leve sangramento depois.
Se o trabalho de parto não começar após o descolamento de membranas, será oferecida a indução do parto.
A indução é sempre realizada em maternidade hospitalar, acompanhada por sua equipe.

Inducao-do-parto-instituto-villamil-9Descolamento de Membranas

Como é feito a indução do parto?

Se o parto precisar ser induzido, haverá a necessidade que os procedimentos ocorram na maternidade.
O amolecimento do colo do útero pode ser iniciada inserindo um comprimido na vagina, chamado de misoprostol. Dessa forma,indução do parto pode demorar um pouco, principalmente se for necessário realizar esse amolecimento com comprimidos.
O parto pode iniciar somente com esses comprimidos, a quantidade necessária vai depender de mulher para mulher, ou pode ser necessário que se use hormônio com o intuito de que as contrações comecem, a ocitocina.
O uso de sonda e balão pode ser indicado para mulheres com cesárea prévia. Em resumo, uma sonda com balão é introduzida no colo do útero e insuflada com água ou soro, com o propósito de estimular a liberação de prostaglandinas e desencadear o trabalho de parto.
Assim que o trabalho de parto começar, ele deve prosseguir normalmente, mas às vezes pode levar de 24 a 48 horas para que você entre em trabalho de parto.

Inducao-do-parto-instituto-villamil-10Indução com Balão

Qual é a sensação do parto induzido?

O trabalho de parto induzido costuma ser mais doloroso do que o parto espontâneo, e as mulheres induzidas têm maior probabilidade de solicitar uma analgesia peridural.
Suas opções de alívio da dor durante o trabalho de parto  não são restringidas por serem induzidas. Sendo assim, você deve ter acesso a todas as opções de alívio da dor disponíveis na maternidade.
As mulheres induzidas também têm maior probabilidade de ter um parto assistido. Assim, pode ser necessário o uso de fórceps ou sucção de ventosa para ajudar o bebê a sair.
Inducao-do-parto-instituto-villamil-10

Se a indução do parto não funcionar?

A indução nem sempre é bem-sucedida e o trabalho de parto pode não começar. Desse modo, obstetra e a equipe avaliarão sua condição e o bem-estar do bebê, e você poderá receber outra indução ou ser indicado a cesariana. Desse modo, será discutida todas as opções com você, com a finalidade de que você tome as melhores decisões para aquele momento.

Inducao-do-parto-instituto-villamil-11O obstetra e a equipe avaliarão a necessidade de uma cesárea

 

Efeitos colaterais da indução do parto

Em 2004, no Reino Unido, 1 em cada 5 nascimentos foram induzidos, de acordo com o Instituto Nacional de Excelência em Saúde e Cuidados (NICE).

Entre esses partos induzidos,no momento em que o trabalho de parto foi iniciado com o uso de drogas, foi observado:

– Menos de dois terços dessas mulheres deram à luz sem outra intervenção.
– Cerca de 15% tiveram partos instrumentais (assistidos) (como fórceps ou ventosa).
– 22% tiveram cesarianas de emergência.

Inducao-do-parto-instituto-villamil-12

Maneiras naturais de iniciar o trabalho de parto

Consumo de tâmaras a partir de 36 semanas
Acupuntura
– Relação sexual. Uma vez que a bolsa não tenha estourado ainda
– Massagens e Troca de carinhos com o parceiro
– Banhos quentes
Inducao-do-parto-instituto-villamil-13

Leia mais:

Induncing Labour – NHS/UK
Diferença entre descolar e romper a bolsa
7 Dicas para entrar em trabalho de parto

Assista este vídeo em nosso canal do Youtube

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on google
Share on pinterest

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

WhatsApp chat