Sinais e sintomas na gravidez que não podem ser ignorados

sintomas preocupantes gravidez

A gestação é um período de intensas transformações, tanto no corpo quanto na mente da mulher. Devido à formação de uma vida dentro do útero, com todos os hormônios que agem para permitir esse processo, é comum que a gestante apresente uma série de sintomas típicos da gravidez. A maioria destes sintomas é comum e está relacionado à uma gravidez saudável, livre de sustos. Entre eles, podemos citar os enjoos matinais, a dor nas costas com o avançar da gestação e o crescimento da barriga e a necessidade de ir várias vezes ao banheiro.

Entretanto, alguns sinais e sintomas da gravidez não podem ser ignorados e são o sinal de que algo está errado.

Nesse caso, é importante uma consulta ao obstetra (além das consultas já programadas do pré-natal) para esclarecimento do quadro.

Febre

A febre alta, principalmente acima de 38ºC é um sintoma na gravidez que gera um alerta. Normalmente, febre é sinal de infecção e se desenvolve quando há uma pneumonia, infecção do trato urinário ou qualquer outro tipo de infecção. Por isso, é fundamental procurar pelo seu obstetra, que fará uma avaliação e pode indicar o uso de antibióticos, antitérmicos e repouso.

sintomas preocupantes gravidez
A febre é um dos sintomas que gera atenção na paciente grávida.

Corrimento e coceira vaginal

Apresentar corrimento vaginal não é sintoma exclusivo da gravidez e em muitos casos ele não indica nenhuma doença ou infecção. Além disso, é comum que durante a gestação a mulher produza o corrimento fisiológico em maior quantidade. Nessa situação, ele será claro, fluido e não estará associado a coceira. Nos casos em que o corrimento tiver uma coloração amarelada, esverdeada ou acinzentada, e vier acompanhado de odor forte e coceira, é recomendável procurar o obstetra. Esses sim são sintomas que geram maior preocupação. Pode se tratar de vaginoses ou infecções sexualmente transmissíveis e o tratamento medicamentoso é importante.

Dor ou queimação ao urinar

Podem ser sinais importantes de uma infecção do trato urinário. Caso seja esse o diagnóstico, costumam vir acompanhadas de urgência para urinar, a sensação de esvaziamento incompleto da bexiga, incontinência urinária e febre. Se esses sintomas estiverem presentes na gravidez, é importante procurar um médico para tratar a infecção urinária. Uma infecção de trato urinário não tratada pode levar à hospitalização e até mesmo ao parto prematuro.

sintomas preocupantes gravidez
A dor ao urinar alerta para possibilidade de infecção do trato urinário e necessita de avaliação médica.

Diminuição importante da movimentação do bebê

É comum que a maioria das mulheres só comece a sentir os movimentos do bebê após as 20 semanas de gestação, em média. A partir dessa idade gestacional, é cada vez mais frequente que a mulher sinta o bebê mexer várias vezes ao dia, com períodos de pausa onde ele também está dormindo. Caso o bebê pare de se movimentar por mais de um período do dia, tente estimular a barriga, comer algum alimento. Se mesmo assim, ele não voltar a se mexer, é importante procurar o médico, pois a ausência de movimentos por um período prolongado pode ser sinal de sofrimento fetal.

Problemas na visão

Visão dupla ou embaçada, presença de pontos brilhantes ou luzes também são sintomas que devem chamar sua atenção na gravidez. É comum que eles se manifestem em gestantes com pressão arterial alta, que estejam evoluindo para um quadro de pré-eclâmpsia.  Portanto, na presença desses sintomas, a procura do médico é imprescindível e deve ser feita o quanto antes.

Inchaço das mãos, pés e face

O inchaço das pernas é sintoma muito comum durante a gravidez, pois é esperado que a gestante retenha líquido ao longo da gestação. Entretanto, se ele vier acompanhado de inchaço em outras áreas do corpo, como mãos e face, deve acender um sinal de alerta. Além disso, se a grávida apresentar dores de cabeça, alterações na visão e pressão alta, o quadro preocupa mais. Por isso, se apresentar esses sintomas, não hesite em procurar seu obstetra!

O inchaço é um sintoma muito comum durante a gestação, mas pode ser preocupante quando acontece nas mãos, face e outros locais do corpo.

Sangramento vaginal intenso

Um sangramento leve, não acompanhado de dor, é normal, principalmente no início da gestação. Ele pode ser sinal da nidação (processo em que há a fixação do óvulo fecundado na parede do útero).

Contudo, sangramentos mais intensos na gravidez são sintomas que precisam ser avaliados pelo médico obstetra. Caso não seja acompanhado de dor, pode ser sinal de uma implantação baixa da placenta. Sangramentos associados à cólica no começo da gestação podem ser sinal de abortamento ou gravidez ectópica. Já no final da gravidez, sangramentos dolorosos acendem o alerta para a possibilidade de trabalho de parto prematuro e descolamento prematuro de placenta.

sintomas preocupantes gravidez
Quando acontece em grande quantidade e acompanhado de dor, o sangramento é um sintoma preocupante na gravidez.

Enjoos e vômitos intensos

Os enjoos matinais são sintomas extremamente comuns, principalmente no primeiro trimestre de gravidez, e devem ser encarados com um bom sinal, pois significam que a placenta está produzindo altos níveis de hormônio, necessários para a manutenção da gestação.

Porém, em alguns casos eles são tão intensos que impedem a gestante de se alimentar adequadamente, levando à perda de peso e predispondo à ocorrência de desidratação. Nesses casos, é importante procurar o médico pois podem ser necessários medicamentos mais potentes para cessação do vômito ou até mesmo internação para hidratação com soro endovenoso.

sintomas preocupantes gravidez
Os enjoos, frequentes no início da gravidez, quando muito intensos podem ser sinal de hiperêmese gravídica e precisam de avaliação.

Falta de ar intensa

É esperado que com o avançar da gestação e o crescimento da barriga, a grávida fique um pouco mais ofegante, principalmente quando realiza um esforço mais importante. Isso acontece porque, com o crescimento da barriga, o útero empurra o intestino contra o diafragma. Não é comum que a gestante fique cansada em repouso. Se isso acontecer, é importante avaliação para determinar se não há algum outro problema, como asma, pneumonia ou até mesmo embolia pulmonar.

Cólicas fortes

As cólicas abdominais também são sintomas podem acontecer sem trazer riscos à grávida, principalmente quando são leves e não acompanhadas de nenhum outro sintoma. Principalmente nas mulheres que estão grávidas pela primeira vez, demonstram uma adaptação do útero ao crescimento do bebê. Uma dica nesses casos é tomar um banho relaxante, usar bolsa de água quente ou fazer algum alongamento, pois eles tendem a melhorar a dor. Caso a dor não melhore ou esteja relacionada à outro sintoma (sendo o mais comum, o sangramento vaginal), um médico deve avaliar a gestante.

Quedas ou pancadas na barriga

Caso o trauma tenha sido leve, sem ser diretamente na barriga, o risco de algum prejuízo no bebê é menor. Mas em casos de acidentes de carro, quedas de lugares altos ou trauma direto na barriga, deve-se importante procurar atendimento médico o mais rápido possível. Nesses casos, está indicado a realização de exames que comprovem estar tudo bem com a mãe e o bebê.

sintomas preocupantes gravidez
A gravidez é um momento de muitas mudanças no corpo da mulher. Mas é preciso ficar atento para possíveis sintomas preocupantes!

 

Leia mais:

– Benefícios e riscos dos antibióticos no parto

– Gravidez após os 35 anos: quais são as principais dúvidas?

– Sinais de trabalho de parto: como identificar?

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on google
Share on pinterest

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

WhatsApp chat